Resina

Unidade Resinas da Celulose Irani reduz 87% do consumo de água no processo fabril

Após a instalação de uma torre de resfriamento e de melhorias em estruturas já existentes, a unidade Resinas da Celulose Irani acaba de identificar uma redução de 87% no consumo de água por tonelada no processo de produção de breu e terebintina, matérias-primas de resinas e aplicações em produtos como vernizes, tintas, adesivos e esmaltes.

Durante os meses de março e abril deste ano, a unidade (localizada em Balneário Pinhal, no litoral do Rio Grande do Sul) concluiu o fechamento do circuito hidráulico existente e deu início a um novo sistema de resfriamento para o processo fabril. A água é utilizada para geração de vapor na caldeira e no resfriamento do processo de destilação na produção de breu e terebintina.

Em todos os seus processos, a Celulose Irani busca contribuir para obter melhorias e reduzir significativamente o impacto ambiental gerado por suas atividades. “Procuramos manter o desempenho das atividades da unidade fabril alinhado aos objetivos da política ambiental da IRANI”, explica Leandro Farina, gerente de gestão para excelência da IRANI.

O anúncio da redução do consumo de água na unidade de Resinas vem ao encontro da divulgação do Relatório de Sustentabilidade 2013 da IRANI em que um dos destaques foi a redução do consumo de água na Empresa durante o ano passado.

Mais informações
MSLGROUP Espalhe
facebook.com/espalhe
Marília Borges – marilia.borges@espalhe.inf.br – (11) 5105-2238
Aline Moreira – aline.moreira@espalhe.inf.br – (11) 5105-2254